Hoje é mais um dia de eventos no Observatório Astronómico de Lisboa e, a par disso, alguma formação importante para o grupo. Apesar de nós, na maioria, já termos alguma prática no manuseamento de aparelhos para a Astronomia, é importante continuar formação que nos permita progredir nos nossos conhecimentos.

A formação de hoje teve como assunto principal “Observações Astronómicas”. Existem diversos conceitos que são necessários para o bom funcionamento de uma sessão. Como devem imaginar, o “céu” é imenso, é importante aprender a situar-nos no espaço, bem como, no tempo. É bom conhecer o céu, é bom saber na “ponta da língua” onde estão determinados objectos, mas é mais importante saber orientarmo-nos no espaço que nos envolve e saber localizar o objecto que procuramos, independentemente do local ou do dia em que nos situamos.

Observatório Astronómico de Lisboa

Quando estamos a iniciar uma sessão de observação é preciso ter em conta algumas questões:

  • Estamos perto da cidade?

  • Quais as estrelas mais brilhantes do céu?

  • Que objectos conseguimos ver?

  • Em que altura do ano estamos?

  • Que horas são?

A necessidade de responder  a estas questões surge do facto de que, ao longo do tempo, os objectos que podemos ver no céu serem diferentes. Apesar disso, somos sortudos, o ciclo repete-se com os dias e/ou anos. Deste modo, aprendemos, entre muitas outras coisas, sistemas de coordenadas, de que modo os movimentos da Terra afectam a visibilidade dos objectos e alguma introdução aos telescópios que funcionam nos diferentes sistemas referidos.

Foi uma sessão divertida e recheada com algum humor. Espero assistir a mais sessões destas e, com certeza, irei aplicar muitos dos conhecimentos nas minhas observações.

Daniel Bento

Ano 2019, em revisão...

Com o fim do ano vêm **momentos de reflexão e balanço** do que foi o ano que passou. Escrevia o ano passado, no primeiro dia de janeiro:>...… Continue reading

A luz

Published on December 17, 2018

Eram uns dias de sol...

Published on November 16, 2018