December 31, 2018

Com o fim do ano vêm momentos de reflexão e balanço do que foi o ano que passou. Escrevia o ano passado, no primeiro dia de janeiro:

“Um novo ciclo que urge e que promete bastantes mudanças.”

Se por um lado, o ano 2017 e o início do ano 2018 atingia-me com enormes dúvidas de quem eu era

“Talvez o meu maior problema: reconhecer-me, saber quem sou e que vida é a minha. Preciso entender-me enquanto pessoa e enquanto alguém que também tem dificuldades e necessidades. “

O ano 2018 veio carregado de novas descobertas sobre mim mesma. Um passo importante que teria de dar

“Será um caminho duro de percorrer, mas preciso de o atravessar. Manter-me saudável depende disso.”

Ainda que tenha sentido algumas oscilações de estado mais complexas este ano, o balanço é, desta vez, muito positivo. Aprendi bastante sobre mim, melhorei a minha capacidade de traçar limites sobre o que quero e não quero, aprendi a proporcionar-me espaço para o auto-cuidado. Melhorei a minha interacção social, afastei-me de toxicidade que me prejudicava. Voltei a ter vontade de viver em pleno e em todas as camadas da minha vida.

Ao mesmo tempo foi, também, um ano cheio de actividades. Não finalizei o curso como pretendia, mas por outro lado percorri o país a realizar diversas acções de sensibilização para a causa LGBT. Comentei filmes, participei em festivais, dei workshops e trabalhei junto de entidades legisladoras para culminar numa nova lei de identidade de género. A minha agenda 2018 está cheia de apontamentos sobre estes caminhos que percorri. Vale sempre a pena guardar, é uma forma organizada de diário, para mais tarde recordar como foram estes meses.

Foi um ano também rico em interações pessoais, conheci imensa gente. Desenvolvi as minhas competências sociais e levei-as a outros níveis. Sinto as minhas várias relações nas suas várias estruturas e particularidades mais fortes e saudáveis. Sei que ainda tenho muito para aprender, vícios que tenho de vencer, mas sinto-me num bom caminho.

O ano 2019 vem com novas resoluções e outras melhorias ao que já tenho estado a fazer em 2018. Pela primeira vez, também comecei a planear objectivos a cumprir, seja do ponto de vista de introspecção ou do ponto de vista mais prático da acção.

Deixo uma lista do que escrevi neste blogue no ano 2018, com a promessa de 2019 ser diferente no modo como organizo os meus projetos online.

Artigos de 2018:

Feliz Ano 2019 e continuação de boas leituras,

Dani

A luz

A fonte da batalha jorra em rios de cores de cheiros vários que escorrem montanha acima. Até ao seu cume. Até ao seu cume, estes rios deb...… Continue reading

Eram uns dias de sol...

Published on November 16, 2018

Os lugares onde pertenço

Published on October 03, 2018